Segundo lugar para Toni Bou em um apertado GP de Andorra

Toni Bou terminou em segundo na primeira das duas provas do Campeonato Mundial TrialGP realizado neste fim de semana em Sant Julià de Lòria, Andorra. O japonês Takahisa Fujinami ficou em sétimo lugar.

O primeiro dia de competição no TrialGP Andorra foi um dia muito difícil. A chuva apareceu pela manhã deixando o terreno extremamente escorregadio e árduo para todos os pilotos. Além disso, os oficiais foram bastante severos em sua aplicação da regra do non-stop, resultando em um julgamento muito disputado.

O piloto da Repsol Honda Team, Toni Bou, lutou cabeça a cabeça pela vitória contra o eterno rival Adam Raga ao longo das três voltas do percurso andorrano. Bou liderou o dia até a metade da última volta, onde somou vários pontos, tendo que se contentar com o segundo lugar no pódio. Apesar do resultado, Toni Bou segue na liderança do campeonato, agora com sete pontos de vantagem na classificação geral.

O japonês Takahisa Fujinami sofreu hoje, particularmente na volta de abertura, onde cometeu um excesso de erros, mas conseguiu reduzir o número na segunda e terceira voltas e acabou indo para a sétima posição.

Amanhã, domingo, terá lugar a sexta jornada do Campeonato do Mundo de Trial e o segundo dia de Trial na mesma cidade andorrana de Sant Julià de Lòria.

Toni Bou 1 – ENSAIO: 2 ° GERAL: 1 °
“Como sempre, lutamos para conseguir a vitória, mas hoje não era para ser. Foi uma prova em que as sensações não eram inteiramente boas, mas ainda assim liderei a corrida por algum tempo. No final, fiquei um pouco sem forças, porque não estou 100% fisicamente. Vou continuar a lutar para recuperar fisicamente e tentar fazer uma boa corrida amanhã.”

Takahisa Fujinami 3 – JULGAMENTO: 7º GERAL: 8º
“Hoje foi um dia difícil, assim que comecei o aquecimento caí e machuquei o ombro. Durante toda a primeira volta, tive muito pouca força no ombro e peguei muitos cincos que me derrubaram na ordem. Na segunda e também na terceira volta consegui recuperar várias posições. Eu sei que tenho mais potencial do que estou mostrando e tenho que trabalhar mais duro nas provações para provar isso. Agora é hora de trabalhar com o fisioterapeuta para que o ombro esteja o melhor possível para o evento de amanhã.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.