Finalmente é oficial. Suzuki fora dos GPs

Finalmente a Dorna e a Suzuki chegaram a um acordo e a Suzuki liberou hoje este pronunciamento oficial. Não tem jeito, quando um não quer, dois não brigam…

Eu até apostava que a Suzuki iria manter as motos nas mãos de uma equipe, com Livio Suppo a frente. Com patrocinadores, coisa que a equipe de hoje não tem, o custo cairia muito, mas até agora não rolou. As motos são boas, competitivas.

Vejam o comunicado:

Assessoria de Imprensa da Equipe Suzuki – 13 de julho

A Suzuki Motor Corporation e a Dorna chegaram a um acordo para encerrar a participação da Suzuki na MotoGP no final da temporada de 2022. A Suzuki também encerrará sua participação de fábrica no Campeonato Mundial de Endurance (EWC) no final da temporada de 2022.

Continuaremos a correr nos campeonatos de MotoGP e EWC de 2022, mantendo os nossos esforços máximos para vencer as restantes corridas. Nosso objetivo é continuar nosso suporte às atividades de corrida de nossos clientes por meio de nossa rede global de distribuidores.

Gostaríamos de expressar nossa mais profunda gratidão a todos os fãs da Suzuki que nos deram seu apoio entusiástico e a todos aqueles que apoiaram as atividades de motociclismo da Suzuki por muitos anos.

Citação de Toshihiro Suzuki, Diretor Representante e Presidente

“A Suzuki decidiu encerrar a participação do MotoGP e do EWC diante da necessidade de realocar recursos em outras iniciativas de sustentabilidade. O motociclismo sempre foi um lugar desafiador para a inovação tecnológica, incluindo sustentabilidade e desenvolvimento de recursos humanos. Essa decisão significa que assumiremos o desafio de construir a nova operação do negócio de motocicletas, redirecionando as capacidades tecnológicas e os recursos humanos que cultivamos nas atividades de motociclismo para investigar outros caminhos para uma sociedade sustentável.

“Gostaria de expressar minha mais profunda gratidão a todos os nossos fãs, pilotos e todas as partes interessadas que se juntaram a nós e nos apoiaram com entusiasmo desde o estágio de desenvolvimento desde que voltamos às corridas de MotoGP.

“Continuarei a fazer o meu melhor para apoiar Alex Rins, Joan Mir, Team SUZUKI ECSTAR e YOSHIMURA SERT MOTUL para competir competitivamente até o final da temporada.

“Obrigado por seu apoio amável.”

Gostou? Então gaste alguns segundos para ajudar o release Imprensa no Patreon!

Um comentário em “Finalmente é oficial. Suzuki fora dos GPs”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

seis − 3 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.