Bautista de volta na Panigale!

Meu amigo Nelsinho pergunta: dá para acreditar? Eu respondo que dá sim!

Bautista tem boa experiência com a Ducati, com a qual andou no MotoGP e que chegou arrasando no WSBK. Se deu bem com a moto. Porém, deu-se tão bem que a Ducati começou a insinuar que se ele fosse campeão, iria voltar para o MotoGP na Ducati oficial. Estes caras da Ducati acham que são a última CocaCola do deserto, e que ser piloto Ducati oficial no MotoGP é melhor do que ir para o céu. Se comportam assim, mas na real só se arrebentam. Só ganharam em 2007 porque começaram antes dos outros a fazer a 800cc e tinham Casey Stoner. E todos os pilotos que saem da equipe reclamam que a equipe trata mal seus pilotos, que são teimosos e não mexem na moto como o piloto pede. O piloto é que tem que se acertar…

Voltando… Bautista desestabilizou um pouco quando a oferta se revelou mentirosa e como Rea, quando dá tudo errado chega em terceiro, quando dá uma coisinha errada chega em segundo, estava sempre ali por perto. Bautista caiu 2 vezes, babou, Rea chegou junto e passou. A Kawa melhorou, a cabeça de Bautista piorou e foi aquela vergonha… depois de vencer 11x seguidas, perdeu o título, tsc tsc tsc…

Um pouco por vergonha e um muito por uma grana preta, Bautista foi para a Honda. Mas Gigi não curtiu, na cabeça dos ducatistas a Panigale é para vencer tudo e todos como fez Bautista no início, é o que eles acham “normal”.

Querem viver este sonho novamente, querem sonhar com a Panigale vencendo tudo. Quem chegou mais perto disso foi Bautista, que está se arrebentando literalmente na Honda. Dedos apontam para a moto, não vi ninguém criticar Bautista, que inclusive tem caído muito com a moto, arriscando tudo e mesmo assim é o melhor Hondeiro. 2 anos, a moto não está indo, abriu a vaga na Ducati, porque não tentar de novo?

Dizem que vai ganhar menos do que na Honda, mas Bautista está ficando velho e pode ser sua última chance de tentar ser campeão, e hoje para ganhar no WSBK só de Kawa, Yamaha e Ducati. O WSBK não está ainda a procura de crianças para pilotar suas motos, como está o MotoGP, graças a Deus.

Scott sai feliz e relaxado, foi massacrado pela máquina de moer pilotos da Ducati, que não fez nada do que ele pediu na moto, apesar dele ter sido vice campeão no ano passado, terceiro este ano e com chance de vitória ainda. Sentiu o clima ruim (não ganha 11x seguidas de Ducati, é um bosta!), mandou a Ducati pastar e antes de ser demitido vai ser piloto número 1 da BMW. Vai que livre da pressão ele anda relaxado e ganha este campeonato? Eu vou amar.

Isso é outra coisa que deixa eles putos, piloto pedir para sair da máquina sagrada, como fez Dovi e agora, Scott. Eu não aguento mais o gerenciamento da Ducati.

Gostou? Então gaste alguns segundos para ajudar o Mário Barreto no Patreon!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.