RIO – CIDADE DA VELOCIDADE!!!

E estamos novamente na lista dos melhores GPs do mundo!! Finalmente o acordo que resultou no fim do autódromo Nelson Piquet está sendo cumprido e vamos retomar a nossa tradição de GP’s mundiais, interrompida no já longínquo ano de 2004 . Uma conquista e tanto para a cidade do Rio de Janeiro.

https://www.motogp.com/en/news/2019/10/10/motogp-returns-to-rio-de-janeiro-from-2022/312699

Em 2022, teremos o MotoGP aqui em Deodoro. Excelente notícia. Demorou muito mais do que o combinado, mas aí está. O Rio quer, o Brasil quer, o MotoGP e a Dorna querem, todos querem o Brasil de volta aos circuitos. Está aí o anúncio oficial. MotoGP no Rio novamente.

 

Sobrevivemos para dar esta notícia

Impressionante o baixo astral e baixa confiança do carioca. Tendo recebido a notícia com pequena antecedência, preparei a galera desde o início da semana com teasers no Insta, no Facebook e a galera carioca não acredita em mais nada. Os comentários foram em sua maioria de descrédito. Não é à toa que o empreendedor da nova pista e das provas, é um mineiro.

Gente, o Brasil mudou. Antes, por exemplo, gastava-se um tempo enorme discutindo como se iria roubar 2/3 da verba disponível, sobrando pouco tempo e dinheiro para se construir qualquer coisa na cidade, no país. Não é mais assim.

Vamos ser positivos, vamos retomar a confiança, vamos fazer uma cidade que olha prá frente, que quer fazer grandes coisas, sem depender de mutretas ou de benefícios do Imperador, do governo ou de qualquer outra coisa. Já passou da hora dos cariocas entenderem que é com bons planos e muito trabalho que a cidade vai sair do imenso buraco onde se encontra. Já passou da hora do carioca entender que ele deve depender apenas dele para progredir.

Párem de duvidar e pensem… se a Argentina já possui 2 GPs, um de MotoGP e outro de WSBK, um deles no meio do nada, porque é tão difícil acreditar que é possível termos um autódromo no Rio? É menosprezar demais a capacidade de realização dos brasileiros, é um renascimento do que Nelson Rodrigues chamou brilhantemente de Complexo de Viralata. É ridículo. Não sou Viralata. Não seja também.

Sempre acreditei, trabalhei e trabalharei para que tenhamos um GP inesquecível. Dá tempo, existe um cronograma e ele está em dia. Existem exemplos, como Aragón, desenhado pelo mesmo Herman Tilke, cuja pista ficou pronta em 50 e poucas semanas. Existindo recursos, o bicho homem fica rápido. Lembro-me do período em que eu ia a Las Vegas anualmente para o NAB e de um ano para o outro construíam do zero, do chão do deserto, um The Venetian, por exemplo. Este foi pior, pois antes tiveram ainda que destruir o Sand’s. Um autódromo é muito mais fácil, mesmo sendo um complexo de eventos, o principal é uma pista de  5 mil metros. Com a tecnologia de hoje, estando no meio de uma cidade grande, é claro que é possível. É só acreditar, trabalhar, fazer acontecer.

Parabéns Rio Motorsports, parabéns Prefeito, Governador, Presidente. Parabéns cariocas, vamos fazer acontecer, vamos fazer lindos GP’s. O autódromo de Deodoro vai brilhar!

Mário Barreto

Publicitário, Designer, Historiador, Jornalista e Pioneiro na Computação Gráfica. Começou em publicidade na Artplan Publicidade, no estúdio, com apenas 15 anos. Aos 18 foi para a Propeg, já como Chefe de Estúdio e depois, ainda no estúdio, para a Agência da Casa, atual CGCOM, House da TV Globo. Aos 20 anos passou a Direção de Arte do Merchandising da TV Globo onde ficou por 3 anos. Mudando de atuação mais uma vez, do Merchandising passou a Computação Gráfica, como Animador da Globo Computação Gráfica, depois Globograph. Fundou então a Intervalo Produções, que cresceu até tornar-se uma das maiores produtoras de Computação Gráfica do país. Foi criador, sócio e Diretor de Tecnologia da D+,depois D+W, agência de publicidade que marcou uma época no mercado carioca e também sócio de um dos primeiros provedores de internet da cidade, a Easynet. Durante sua carreira recebeu vários prêmios nacionais, regionais e também foi finalista no prestigiado London Festival. Todos com filmes de animação e efeitos especiais. Como convidado, proferiu palestas em diversas universidades cariocas e também no 21º Festival da ABP, em 1999. Em 2000 fundou a Imagina Produções (www.imagina.com.br), onde é Diretor de Animações, Filmes e Efeitos até hoje. Foi Campeão Carioca de Judô aos 15 anos, Piloto de Motocross e Superbike, mantém até hoje a paixão pelo motociclismo, seja ele off-road, motovelocidade e "até" Harley-Davidson, onde é membro fundador do Museu HD em Milwaukee. É Presidente do ForzaRio Desmo Owners Club (www.forzario.com.br) e criou o site Motozoo®, www.motozoo.com.br, onde escreve sobre motociclismo. É Mestre em Artes e Design pela PUC-Rio. Como historiador, escreve em https://olhandoacidade.imagina.com.br. Maiores informações em: https://bio.site/mariobarreto

3 comentários em “RIO – CIDADE DA VELOCIDADE!!!”

  1. Grande notícia! Fenomenal para os amantes da motovelocidade e esportes a motor em geral. O Rio está precisando de bons ares de mudança como este. Que seja um sucesso em todos os sentidos!

  2. O Rio e o Brasil precisam se abrir para os empreendedores. Esse autódromo só se tornou possível porque estado e município não estão contaminados pelo vírus do “governo faz tudo”.

Deixe seu comentário!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.