Jack Miller na KTM em 2023

O vencedor de Grandes Prêmios de MotoGP, Jack Miller, retornará à família Red Bull KTM Factory Racing nos próximos dois anos. O australiano reacende várias antigas alianças depois que ele estrelou pela última vez com máquinas KTM como vice-campeão mundial de Moto3 ™ em 2014.

O piloto de 27 anos alinha ao lado de Brad Binder e fará sua nona e décima temporada na categoria rainha na KTM RC16 depois de assinar um contrato que mais uma vez o vê nas cores da Red Bull KTM Factory Racing.

Miller completou 27 anos em janeiro passado, mas já tem mais de uma década de experiência em Grandes Prêmios, incluindo nove vitórias e quase 30 pódios nas classes Moto3 e MotoGP. 2014 foi o período mais prolífico de sua carreira até agora, pois uma união poderosa com a equipe Red Bull KTM Ajo de Aki Ajo o viu conquistar 6 vitórias e quase ganhar o título de Moto3. Ele fez uma mudança de alto nível direto para a categoria de MotoGP em 2015, onde passou a estabelecer uma reputação de esforço máximo, energia total e uma grande personalidade.

Miller voltará a ligar-se a Francesco Guidotti, tendo trabalhado com o atual Team Manager da Red Bull KTM Factory Racing durante três dos seus oito anos no MotoGP.

Francesco Guidotti, Red Bull KTM Factory Racing Team Manager:

“Ter o Jack ao lado do Brad na nossa equipa significa que temos outro trunfo forte. Eu o conheço bem, sei como ele gosta de trabalhar e o que pode trazer para a equipe. Acredito que seu caráter e a maneira como ele pilotará e empurrará nossa KTM RC16 nos ajudarão muito nesta fase do nosso projeto. Como Brad, Jack é um piloto puro: ele encontrará os limites e o máximo de qualquer condição e qualquer pacote e ainda ‘vai em frente’ para obter o resultado e isso é uma qualidade bastante rara. As próximas duas temporadas serão emocionantes!”

Pit Beirer, diretor da KTM Motorsports:

“É claro que conhecemos Jack desde que ele fez sucesso com Aki e nosso programa de Moto3 e é um grande prazer trazer um piloto de suas capacidades para nossa estrutura de MotoGP. Ele nos deixou com uma impressão positiva e mantivemos contato. A abordagem e a atitude de Jack em relação às corridas são muito semelhantes às nossas. Estou muito orgulhoso por ele voltar à Red Bull KTM novamente e será uma grande adição à nossa missão.”

Para a Fauna do Motociclismo.